19
Jun 09

Estivemos a realizar uma viagem desde a mentalidade mítica de deuses e heróis até à era da ciência e da técnica, que aliás é o tema do nosso projecto. No entanto não queremos deixar passar a ideia de que estas são realidades distintas e que uma é presente e outra pertence já ao passado.

Se o homem não sonhasse, não se questionasse, não reflectisse sobre o próprio mito, provavelmente a ciência, como nós a conhecemos, não existia.

A ciência é uma criação do homem e por isso uma criação do sonho e não tomou, de maneira nenhuma, o lugar dos mitos e das lendas. Estas vivem ainda em cada um de nós.

O Natal, a Páscoa e todos os nossos feriados, os filmes que tanto apreciamos, os livros que lemos, as músicas que ouvimos, estão repletos de mitologia, de símbolos, de significado. Todos os nossos valores são-nos ensinados através de lendas e histórias fantásticas. São Martinho deu metade da sua capa ao mendigo mostrando-se generoso, a Bela aprendeu a amar o monstro pelo seu interior e não pela sua aparência, Narciso ensinou-nos a conter a vaidade desmedida, com a cigarra e a formiga aprendemos que é preciso trabalhar e para garantir o futuro…Também a História é feita de sonhos, de vontade de descobrir e conhecer, de desvendar, de explorar, de conquistar. Se não fosse o sonho os navegadores Portugueses nunca se teriam aventurado por “mares nunca antes navegados” “dando novos mundos ao mundo” nem os militares de Abril ousariam conquistar a nossa liberdade. Por mais que nos achemos desprendidos da aura mítica e lendária, todos temos fé em algo. Todos, no mais profundo do nosso ser acreditamos em algo e é a força desse acreditar que nos faz prosseguir.

 


Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Somewhere Over the rainbow


pesquisar neste blog
 
Na gaveta!!
links